Taiwan: homem sequestrado não pagará multa por violar quarentena

taiwan:-homem-sequestrado-nao-pagara-multa-por-violar-quarentena
Jornal Lagoa News

Homem tem multa perdoada pelas autoridades após sequestro Homem tem multa perdoada pelas autoridades após sequestro  –  iStock

Autoridades de Taiwan decidiram perdoar a multa por violação de quarentena de um homem depois de descobrir que ele havia sido sequestrado.

O homem, identificado como Chen, chegou de Hong Kong no final de outubro e foi cumprir a quarentena obrigatória na casa de um amigo, segundo nota do ministério de Justiça do país.

No dia 1 de novembro, a casa em que Chen estava foi invadida e ele foi levado por homens que o confundiram com o amigo, que estava devendo dinheiro a alguém que contratou os sequestradores. Os homens obrigaram Chen a pagar a dívida e o libertaram ferido.

As autoridades de saúde locais haviam multado Chen em 3,5 mil dólares, cerca de R$ 18 mil reais, por violar o isolamento obrigatório, mas o caso seguiu para o ministério de Justiça, que investigou as alegações de Chen.

Os sequestradores de Chen estão sendo investigados.

Pandemia em Taiwan

Taiwan foi um dos poucos países que conseguiu controlar a pandemia do novo coronavírus, e uma das formas que o governo encontrou para frear a transmissão do vírus foi através de isolamentos obrigatórios e multas altas caso ele fosse violado.

Além disso, o país também investiu em testes em massa e controle das fronteiras.

Em um ano de pandemia, o país registrou 918 casos de covid-19 e 8 mortes relacionadas à doença.

Jornal Lagoa News
Paulo da Costa
Jornalista e escritor, repórter do Jornal Lagoa News.

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.