Roberto Jefferson atentou contra a Lei de Segurança Nacional e pode ser preso pelo STF

do correspondente Brasil 247

Jornal Lagoa News

Condenado por corrupção, o parlamentar que simboliza o centrão e convoca o golpe contra as instituições pode ser enquadrado

247 – O ex-deputado Roberto Jefferson cometeu um crime gravíssimo, nesta manhã, ao convocar, armado, um golpe bolsonarista. “DE CRIME ELE ENTENDE! Depois de ser condenado no esquema do mensalão, Roberto Jefferson claramente pratica o crime previsto no artigo 23, da lei de segurança nacional: “Incitar à subversão da ordem política ou social”. Que o Ministério Público não se acovarde”, postou o professor de direito constitucional Flávio Martins, em seu twitter. A jornalista Vera Magalhães também defendeu seu indiciamento:

De 1889 A 2019, por 130 anos, as Forças Armadas brasileiras mantiveram perante a Nação seu imenso capital de Poder Moderador usado nas crises fundamentais do Estado. Em 1889, aboliram o regime monárquico e encamparam a Republica; em 1930, deram…

Bolsonarismo. Um permanente e crescente atentado à Constituição.

Uma comissão de frente ministerial-militar e empresarial bolsonarista, sob a condução de seu descontrolado líder, tal qual um cavalo de Tróia infectado ingressou ameaçadora e maliciosamente no mais elevado templo de defesa da Constituição. O país e o mundo presenciaram,…

Ministros do STF estão indignados com reunião-circo de Bolsonaro

247 – O clima no STF é de irritação e até indignação com a verdadeira “reunião-circo” que o Palácio do Planalto armou na manhã desta quinta-feira (7) na sede do Supremo Tribunal Federal. Bolsonaro tornou tudo numa verdadeira pantomima, atravessando a…

Guerra Fria

“Militares fizeram circular que ninguém vai dar um golpe a favor do presidente, nem contra ele. Toffoli apagou de vez a fogueira criticando o ativismo judicial de Alexandre de Moraes”, diz o colunista Ricardo Cappelli. “Como nenhum dos lados possui.

Jornal Lagoa News
Rubens Britto

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.