Retrospectiva 2021: relembre as polêmicas do ano no esporte

Jornal Lagoa News

O ano de 2021 foi de muitas conquistas, glórias, gols, taças levantadas e momentos inesquecíveis no esporte. No entanto, o ano que em breve nos deixará foi marcado também por algumas polêmicas. A primeira a ser relembrada nesta galeria é lá do começo do ano, em março, quando Gabigol foi flagrado em um cassino clandestino em São Paulo, em um dos picos da pandemia do coronavírus no Brasil

Na época, o caso ganhou grande repercussão, especialmente porque o jogador foi retirado do estabelecimento, localizado no bairro da Vila Olímpia, na zona sul de São Paulo, pela polícia. Gabigol, inclusive, foi filmado no momento em que era escoltado do cassino pelo deputado Alexandre Frota (PSDB-SP)

Outra treta que deu o que falar em 2021 foi envolvendo o tricampeão mundial de surfe Gabriel Medina e sua família. Desde o casamento com Yasmin Brunet, Medina viu sua vida virar de cabeça para baixo

O surfista cortou relações com a mãe, Simone, e dispensou o padrasto Charles Medina, que era seu treinador. Foram muitos os capítulos dessa novela, que parece ter chegado ao fim neste Natal, quando Medina voltou a passar as festas de fim de ano com a família. Ao lado de Yasmin Brunet, o atleta comemorou a data especial na casa do pai biológico, o que não ocorria há 20 anos

Em 2021, a polêmica envolvendo Arthur Nory e Ângelo Assumpção ganhou novas páginas. As vésperas dos Jogos Olímpicos Tóquio 2020, os holofotes da web se voltaram novamente aos dois. Nory afirmou já ter se desculpado e assumido seu erro ao comparar a cor de pele do seu ex-companheiro de equipe com um saco de lixo

Ângelo revelou que não assistiu à apresentação da equipe brasileira de ginasta, que contou com uma queda e eliminação Nory. “Por que a vida de todos os outros atletas segue e a minha não? Estou há muito tempo sem poder trabalhar: isso é ou não é surreal?”, desabafou Ângelo em entrevista

Dono da primeira medalha brasileira na Olimpíada de Tóquio, Kevin Hoefler acabou virando assunto nas redes sociais depois que a skatista Letícia Bufoni falou sobre o jeito mais isolado de Hoefler em relação aos outros skatistas brasileiros que estavam no Japão. Leticia comentou que Kevin “optou” por se afastar dos demais companheiros e, inclusive, excluiu uma organização do esporte de seu perfil oficial

“Estão me perguntando por que não posto o Kevin nos meus stories. O Kevin, pelo que vocês perceberam, nunca está com a gente nos rolês por uma opção dele. Ninguém tem nada contra ele, pelo contrário, está todo mundo aqui comemorando que o Brasil ganhou uma medalha”, disse a skatista no Instagram

O comentário, porém, não foi bem recebido por Hoefler. O skatista disse que Bufoni foi à Tóquio “de função”, ou seja, uma referência a atletas que não foram com a intenção de subir no pódio olímpico. “É parte do jogo. Eu tive que me isolar, tive que trazer essa medalha. Infelizmente, ela não foi tão feliz nas declarações dela. Mas eu estou aqui para representar o meu país, o skate”, respondeu o medalha de prata.

Por fim, ninguém se esquece da treta envolvendo a goleira Bárbara, da seleção brasileira feminina, e a atleta paralímpica brasileira Andréa Pontes na Olimpíada. Após a canoísta fazer críticas às atuações da arqueira, as duas trocaram ofensas e xingamentos nas redes sociais. “Galera, uma sugestão: põe a Babi Arenhart – goleira do handebol – no lugar da Bárbara e está tudo resolvido. Brasil campeão!”, disparou Andrea Pontes no Instagram

Bárbara rebateu: “Por que não vem você no meu lugar? Já já começa a sua competição, será que você tem competência para chegar a menos a conhecer? Tem competência de ir a quatro Paralimpíadas? Porque cada um com suas limitações, né? Vai treinando aí que, assim como eu treino para c…, você vai precisar para tentar estar ao menos em uma Paralimpíada”

Jornal Lagoa News
Rubens Britto

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.