Passageiros forçam porta e abandonam voo antes da decolagem

passageiros-forcam-porta-e-abandonam-voo-antes-da-decolagem
Jornal Lagoa News
O avião já estava em processo de decolagem quando os passageiros saíram da aeronave

O avião já estava em processo de decolagem quando os passageiros saíram da aeronave
Pixabay

Dois passageiros e um cachorro abandonaram um voo pelo escorregador de emergência instantes antes do avião decolar, na segunda-feira (21), no aeroporto de La Guardia, localizado em Nova York.

A aeronave da empresa Delta Air Lines estava se posicionando para decolar com destino a Atlanta, capital do estado da Geórgia, quando um homem e uma mulher forçaram a abertura da saída de emergência e saíram.

Armênia acusa Turquia de derrubar avião militar

De acordo com depoimento de Brian Plummer, passageiro e testemunha do acontecimento, ao jornal The New York Times, o voo não estava cheio e o casal não estava se acomodando em nenhum lugar, tendo trocado de assento diversas vezes. Eles carregavam junto um grande cão.

Enquanto a tripulação realizava os últimos preparativos para a decolagem do Airbus A321, um homem, que ainda não teve a identidade revelada, teria se levantado e avisado um comissário de bordo que sofria de estresse pós-traumático.

Pouco depois, Plummer sentiu o avião tremer e, logo em seguida, parar. Depois de alguns minutos sem explicação, a tripulação contou aos passageiros que o casal havia forçado a abertura de uma das portas da cabine, ativando o escorregador de emergência. Após isso, eles saíram da aeronave levando junto o animal de estimação.

Medo de coronavírus faz países suspenderem voos do Reino Unido

As últimas informações recebidas eram de que tanto o homem, como a mulher, estavam sob custódia, e não se sabe ao certo quais as consequências que eles poderão enfrentar, podendo a punição ser, por exemplo, não poderem mais voar com a Delta no Futuro.

*Estagiário do R7 sob supervisão de Pablo Marques

Jornal Lagoa News
Paulo da Costa
Jornalista e escritor, repórter do Jornal Lagoa News.

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.