Para combater desinformação, Facebook vai “contra-atacar” usuários que curtirem notícias falsas sobre covid-19

Repórter Marquezan Araújo

Jornal Lagoa News

As famosas “fake news” já não são novidades e potencializam a desinformação nas redes sociais em tempos de pandemia. Por esse motivo, o Facebook anunciou que vai adicionar publicações devidamente verificadas no feed de notícias de quem curtir notícias falsas.

O objetivo é tentar conter a disseminação de informações mentirosas sobre o novo coronavírus, que preocupam autoridades de todo o mundo. A pessoa que reagir ou comentar em um post com fake news receberá um box, direcionando o usuário para o site da Organização Mundial da Saúde (OMS).

Outra atualização vai mostrar uma seção de notícias com respaldo jornalístico e que contenham informações verdadeiras a respeito do coronavírus.

Jornal Lagoa News
Rubens Britto

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.