Metade dos adultos tomaram pelo menos uma dose da vacina nos EUA

metade-dos-adultos-tomaram-pelo-menos-uma-dose-da-vacina-nos-eua
Jornal Lagoa News

50,4% dos cidadãos americanos com mais de 18 anos estão parcialmente imunizado

Metade dos adultos americanos recebeu pelo menos uma dose da vacina contra a covid-19, de acordo com dados atualizados neste domingo (18) pelo CDC (Centro de Controle e Prevenção de Doenças), principal agência de saúde pública do país.

50,4% dos cidadãos com mais de 18 anos estão parcialmente imunizados, enquanto 32,5% já estão totalmente vacinados, número que sobe para 65,9% para os maiores de 65 anos.

Ao todo, mais de 131,2 milhões de pessoas receberam pelo menos uma injeção nos Estados Unidos.

A aplicação da vacina desenvolvida pelo grupo americano Johnson & Johnson foi suspensa em todo o país na terça-feira, depois de casos de seis mulheres – uma delas morreu – que desenvolveram graves coágulos sanguíneos após a injeção.

Veja também

  • Enfermeira esquece de pressionar seringa ao vacinar idosa em Franca

    São Paulo

    Enfermeira esquece de pressionar seringa ao vacinar idosa em Franca

     


  • AstraZeneca pode ter vacina contra variante de covid até final de 2021

    Saúde

    AstraZeneca pode ter vacina contra variante de covid até final de 2021

     


  • Saiba como funciona a ordem da fila de vacinação contra a covid-19

    Folha Vitória

    Saiba como funciona a ordem da fila de vacinação contra a covid-19

     

As autoridades garantiram, porém, que essa pausa não teria grande impacto na imensa campanha nacional de vacinação, já que as doses do imunizante Johnson & Johnson representam menos de 5% das administradas até agora nos Estados Unidos.

Jornal Lagoa News
Paulo da Costa
Jornalista e escritor, repórter do Jornal Lagoa News.

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.