Jaques Wagner se põe como opção para concorrer ao Planalto: ‘Não tem sentido ficar refém de Lula’

Jornal Lagoa News

Por Época

Jaques Wagner deu ontem uma entrevista ao jornalista Mário Kertész e falou abertamente sobre a possibilidade de ele ser candidato pelo PT ao Palácio do Planalto ou ao governo da Bahia em 2022.

“Meu nome está posto, tanto na cena nacional como na cena estadual. Você me perguntou se eu seria candidato a governador e eu disse que vai depender exatamente se for para manter a unidade do grupo, eu colocarei meu nome”.

Leia: Vencer sem ódio, Bolsonaro perde o toque de Midas, PT e PSDB enfraquecidos: 10 pontos fundamentais sobre a eleição de 2020

Depois, ao comentar a vitória de jovens novos da esquerda, voltou a falar sobre a possibilidade de ser candidato:

“Acho ótimo, a gente não pode ficar refém. Sou amigo irmão do Lula, mas vou ficar refém dele a vida inteira? Não tem sentido”.

Jornal Lagoa News
Rubens Britto

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.