“É difícil conciliar desejos de Bolsonaro com a ciência”, declarou Teich antes de demitir-se

por Rubens Britto

Jornal Lagoa News

Antes mesmo de pedir demissão, o ex-ministro da saúde, Nelson Teich, já dialogava com sua equipe e amigos demonstrando seu descontentamento diante das imposições do presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), que vinha se impondo para que houvesse a flexibilização do isolamento social e o uso da hidroxicloroquina para o tratamento da Covid-19, conforme informações da jornalista Denise Rothenburg, registradas no Correio Braziliense.

A posse de Teich ocorreu em 18 de abril e ontem (14), com apenas 26 dias no cargo de ministro da saúde, ao avolumarem-se os desencontros de posicionamentos, Bolsonaro e o ex-ministro reuniram-se para o enfrentamento das ações da Pasta. Nelson Teich não concordou com as injunções de Bolsonaro e preferiu demitir-se.

Jornal Lagoa News
Rubens Britto

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.