Drauzio Varella: Brasil será o epicentro do coronavírus no mundo

Brasil 247

Jornal Lagoa News

247 – O médico cancerologista Drauzio Varella participou na última quinta-feira (14) de uma live da Oxfam Brasil no canal da entidade no YouTube e foi enfático na mensagem: “Respeitem o isolamento social. Essa discussão de que o país vai quebrar é artificial, política. Não é baseada em dados sérios”.

Segundo ele, não adianta querer liberar as pessoas para voltarem ao trabalho e para consumir. “Será uma grande tragédia coletiva e ineficaz. Porque não vamos conseguir ativar a economia no meio de uma pandemia”, declarou. “A troco de que outros países do mundo iriam decretar o isolamento se não houvesse necessidade? Eles são idiotas? Não. Eles se conscientizaram de que era necessário evitar uma grande tragédia”.

Para Drauzio, é o Estado que deve dar condições financeiras para que a população mais pobre consiga realizar o necessário isolamento social. Na opinião do médico, a população brasileira está pagando a conta da imensa desigualdade social do país. “Fizemos escolhas muito ruins ao longo de décadas e não priorizamos o combate à desigualdade”, disse.

Carmen Silva, coordenadora do Movimento dos Sem-Teto do Centro (MSTC), que também esteve na transmissão, concorda com o médico. “A Covid-19 reverbera o que a gente vem dizendo há anos: Quem não tem moradia, não tem saúde. Ter de pagar aluguel tira dinheiro da alimentação e da saúde. E as habitações precárias, com adensamento excessivo, em que várias pessoas compartilham o mesmo cômodo, provoca doenças”. Para a ativista social, quando as pessoas enfrentam uma fatalidade, elas logo pensam em criar regras novas. “Não precisa de nada disso. É só respeitar a Constituição, os direitos básicos dos cidadãos, como o direito à moradia. Já temos leis que nos garantem isso. Vamos aprender a exigir o que está na Constituição”.

Kátia Maia, diretora-executiva da Oxfam Brasil, falou sobre a banalização da desigualdade. “É impressionante como a gente naturalizou a desigualdade. Como se ela fosse algo divino. Não é. As desigualdades foram construídas. E precisamos lutar para reduzi-las.”

Inscreva-se na TV 247 e assista à íntegra do debate:

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Jornal Lagoa News
Rubens Britto

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.