Depoimento de Neymar à Polícia Francesa

Suposta agressão do craque a um torcedor

Jornal Lagoa News

Na tarde desta terça-feira (24) o jogador Neymar, atacante do PSV (Paris Saint-Germain), prestou depoimento a Polícia Francesa a respeito de uma suposta agressão contra um torcedor durante os jogos na final da Copa da França. Ele teve que ser dispensado do treino desta tarde pelo técnico Thomas Tuchel para comparecer a Polícia Nacional (Police Nationale), uma corporação policial civil da França, onde foi interrogado.

Apesar da dispensa do treinamento, o camisa 10 conseguiu retornar com um atraso de pouco mais de 10 minutos e imediatamente deu inicio as atividades de aquecimento. Tuchel, bastante humorado, cumprimentou Neymar e declarou para os demais:

“Sim, todo mundo viu que o Neymar atrasou. Foi claro. São motivos particulares dele e ele teve a permissão do clube, e minha. Entre todos está resolvido isso”.

Já há algum tempo que Neymar foi intimado para prestar declarações acerca da denúncia em um processo que foi movido por um torcedor do Rennes alegando que teria recebido um soco durante cerimônia de entrega de medalhas conquistadas durante a competição. O vídeo da agressão foi muito comentado e divulgado nas redes sociais.

“Você, aprende jogar futebol”, debochou de Neymar o torcedor do Rennes que havia vencido a competição contra o Paris Saint-Germain naquele dia. Ato contínuo, como resposta diante da zombaria, recebeu um soco no rosto desferido pelo jogador.

“Estou errado? Estou. Mas ninguém tem sangue de barata”, desabafou o craque no Instagran. A ocorrência, na época, culminou com a suspensão de três partidas como punição ao brasileiro.

Jornal Lagoa News
Rubens Britto

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.