Autor de uma série de homicídios nos EUA antecipou crimes em livros

autor-de-uma-serie-de-homicidios-nos-eua-antecipou-crimes-em-livros
Jornal Lagoa News
Lyndon McLeod uso um pseudônimo para publicar uma série de três livros

Lyndon McLeod uso um pseudônimo para publicar uma série de três livros
Reprodução Twitter/@roman_mcclay

O homem que matou cinco pessoas antes de ser baleado pela polícia no Colorado na segunda-feira (27) antecipou os assassinatos e citou algumas de suas vítimas em romances de ficção científica, segundo a polícia e a imprensa americana. 

“Estamos cientes dos livros escritos pelo suspeito sob um pseudônimo, que são elemento de nossa investigação”, confirmou um porta-voz da polícia de Denver à AFP. 

O homem, identificado como Lyndon McLeod pela polícia, publicou a trilogia “Sanction”, entre 2018 e 2020, sob o nome de Roman McClay. Nas fotos de suas redes sociais, ele aparece com barba e cabelos castanhos, além de tatuagens no braço e no peito. 

De acordo com um comentário postado no site do autor, os livros contam a história de “um político / milionário que quer usar a tecnologia genética para reescrever o DNA de criminosos, como assassinos em série ou pessoas violentas”. 

De acordo com a mídia americana, no primeiro volume, um homem chamado Lyndon MacLeod mata um personagem chamado Michael Swinyard em um prédio em Denver. As autoridades confirmaram que este é o nome de uma das vítimas que foi morta no endereço mencionado no livro. 

Em outro volume, o autor relata o assassinato de uma mulher, Alicia Cárdenas, também identificada como uma das vítimas. O nome do suspeito também consta de documentos administrativos vinculados a um local comprado há alguns anos por Cárdenas. 

Na segunda-feira, o homem de 47 anos abriu fogo pela primeira vez em um estúdio de tatuagem em Denver, matando a tatuadora e dona da loja Alicia Cárdenas. 

Em seguida, matou Michael Swinyard e foi para Lakewood, nos arredores de Denver, onde matou um homem em outro estúdio de tatuagem e uma recepcionista de hotel.

Ele foi morto por uma policial, que também ficou ferida no tiroteio. 

Jornal Lagoa News
Rubens Britto

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.